> CPA

A Comissão Própria de Avaliação (CPA), constituída pela Direção Geral da Faculdade de Pimenta Bueno, com base na Lei nº. 10.861/2004, que instituiu o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (SINAES) é responsável pela elaboração, implementação e condução do plano de trabalho de auto-avaliação, visando identificar o perfil e o significado da atuação da Faculdade na região de Pimenta Bueno de modo a promover a melhoria da qualidade de educação superior.

Tais orientações e instrumentos propostos para a auto-avaliação fundamentam-se, na Lei de Diretrizes e Bases (9.394, de 20.12.96), nas Diretrizes Curriculares de cada curso oferecido pela IES, no Decreto nº 3.860/2001, e, especialmente, na Lei nº 10.861/2004.

Membros:

Jocely Mota Correa 

Coordenadora da CPA

Jussilaine Luzia Lyra Guimarães

Coordenadora da CPA

João Ricardo Spanhol

Representante do Corpo Técnico Administrativo

Aline Araceli Moraes

Representante do Corpo Técnico Administrativo

Giuseppe Rino Salierno

Representante da sociedade civil organizada

Marcelo de Castro e Assis

Representante da sociedade civil organizada

Cristian Costa Ribeiro

Representante do corpo discente

Elessandra Figueiredo Torres

Representante do corpo discente

Avaliação Institucional

A avaliação institucional, conduzida pela CPA, tem por principais objetivos, discutir o sentido do conjunto de atividades e finalidades a que se propõe a Faculdade de Pimenta Bueno. Tem ainda o objetivo de identificar e apontar as causas dos seus problemas e deficiências, aumentar a consciência pedagógica e capacidade profissional do corpo docente e técnico-administrativo, fortalecer as relações de cooperação entre os diversos atores institucionais, além de tornar mais efetiva a vinculação da faculdade junto à comunidade e prestar contas de suas ações à sociedade.
A avaliação institucional é participativa, crítica e transformadora e toda comunidade acadêmica, (estudantes, professores, técnicos e comunidade externa) participam do processo respondendo a questionários, comparecendo a seminários, dando sugestões e compondo grupos de debates.

Neste processo são considerados: o ambiente externo, partindo do contexto no setor educacional, tendências, riscos e oportunidades para a organização, e o ambiente interno, incluindo a análise de todas as estruturas da oferta e da demanda. Os resultados obtidos são aplicados para a revisão das ações e atividades da Instituição, tanto acadêmicas quanto administrativas.

A avaliação institucional retrata o compromisso institucional com o autoconhecimento e sua relação com o todo, em prol da qualidade de todos os serviços que a Faculdade de Pimenta Bueno oferece para a sociedade. Confirma também, a sua responsabilidade em relação à oferta de educação superior.