Área Restrita

Ciências Contábeis

Reconhecido - Portaria nº 1035 de 23 de dezembro de 2015

 

A princípio se pensou em uma formação capaz de direcionar o profissional que, diante do mundo globalizado onde a gestão das instituições tem sido influenciada por modificações econômicas, sociais e culturais decorrentes da rápida comunicação e circulação de informações nos ambientes de negócios, conseguisse se impor e agregar valor à sociedade e as organizações.

O curso de Ciências Contábeis desempenha um papel altamente relevante neste contexto no sentido de prover os gestores com informações corretas, precisas e oportunas, de forma a subsidiar o processo decisório e levá-los ao aproveitamento de oportunidades de negócios e otimização dos recursos disponíveis.

O profissional da contabilidade encontra-se num mercado de trabalho essencialmente diferenciado devido às peculiaridades regionais, mas de exercício uniforme devido aos aspectos legais e éticos que o envolve.

De acordo com a pesquisa “O Perfil do Contabilista Brasileiro – 1995/1996”, realizado pelo Conselho Federal de Contabilidade, a maioria, aproximadamente 70% dos profissionais de contabilidade, é absorvida pelo setor de serviços públicos, contábeis e outros e 30% absorvidos pela indústria e comércio.

 

MERCADO DE TRABALHO

O mercado de trabalho é bastante amplo, onde o profissional de Contabilidade tem como fonte de motivação a possibilidade de atuação nas áreas de perícia, auditoria, contabilidade pública, contabilidade comercial, rural, industrial, financeira, gestão e ainda a atuação como profissional liberal. 

O conteúdo do curso contempla a construção de sólidos conhecimentos científicos contábeis nos diversos ramos de atividade das entidades, tanto privado quanto públicos. Também, a formação do aluno está voltada para áreas diretamente relacionadas com as organizações: como o Direito, em seus ramos público e privado, tributário, trabalhista e comercial; a Economia, que abrange estudos introdutórios, micro e macroeconômicos; a Administração, focada na teoria geral, organizacional, mercadológica e financeira. Na formação humanística através de estudos de Sociologia, Filosofia, Ética e Economia, o curso possibilita ao aluno compreender a importância da contabilidade, sua evolução e interação com a sociedade, o raciocínio lógico e quantitativo e o desenvolvimento do senso crítico e analítico.

Assim, constitui-se como objetivo do Curso a formação de profissionais com capacidade crítico-analítica para entender, interpretar e divulgar os fenômenos que afetam o patrimônio das pessoas físicas e jurídicas, agindo de acordo com princípios legais, éticos e científicos no cumprimento dessas responsabilidades perante a sociedade.

 

HABILIDADES

Os bacharéis em Ciências Contábeis devem desenvolver as seguintes competências e habilidades:

  • ­   Utilizar a terminologia e a linguagem próprias das Ciências Contábeis e Atuariais;
  • ­   demonstrar uma ampla visão interdisciplinar da atividade contábil;
  • ­   elaborar pareceres e relatórios que contribuam para a eficácia dos seus usuários, quaisquer que sejam os modelos organizacionais;
  • ­   aplicar adequadamente a legislação inerente às funções contábeis;
  • ­   desenvolver a liderança entre equipes multidisciplinares, considerando a geração e disseminação de informações contábeis, com nível de precisão e utilidade;
  • ­   exercer suas funções contábeis e atuariais com domínio, responsabilidade quanto ao gerenciamento, ao controle e à prestação de contas da sua gestão à sociedade;
  • ­   implantar sistemas de informação contábil e de controle gerencial;
  • ­   exercer com ética e proficiência as atribuições e prerrogativas que são prescritas através da legislação específica, revelando domínio adequado aos diferentes modelos organizacionais;
  • ­   ter iniciativa, criatividade e senso crítico.

 

Notícias
Matriz Curricular
Documentos
Projeto Pedagógico
Coordenador Recomenda

Clique para ampliar

Parte A
Parte B
Parte C
Parte D
Parte E